skip to Main Content

Animais sonham um sonho e se extinguem

Em animação criada por estúdio brasileiro para o WCFF, animais cantam “I Dreamed a Dream” enquanto encaram a própria extinção.

É inquestionável a destruição causada pelo homem no mundo: poluição, desmatamento, caça ilegal e por aí vai.

Nesta incrível animação criada para o Wildlife Conservation Film Festival, que acontecerá em Nova York entre os dias 17 e 23 de outubro, é jogado em nossa cara o que acontece quando o homem decide, de forma egoísta e usando progresso com desculpa, interferir na natureza.

Animais ameaçados, na savana, no mar e no ártico, cantam “I Dreamed a Dream”, do musical “Os Miseráveis”, enquanto testemunham os faróis de veículos e navios se confundirem com os olhos humanos.

Essa poderosa animação só prova que tudo segue seu caminho natural, até que o homem, sempre ele, resolve se meter onde não é chamado.

O filme termina de forma dramática, já fora do ecrã, e nos deixa pensando que a pior parte é ser tudo verdade. Assista e entenda a “dor”…

Os artistas Natalie Bergman (rinoceronte), Ryan Merchant (baleia), Keenan O’Meara (pelicano) e Tal Fisher Altman (foca) dão vozes aos animais.

A criação da DDB NY – cheia de brasileiros na ficha técnica – foi produzida pelo estúdio brasileiro Zombie.

Paulo Garcia, Co-fundador e Chief Creative da produta, afirmou que foram 5 meses de trabalho envolvendo mais de 40 pessoas na produção dessa maravilhosa animação.

“Tínhamos a responsabilidade de transferir para o visual um roteiro incrível com uma trilha impactante e sabíamos que cada detalhe faria a diferença no resultado final. Desde o início vimos ali que havia um potencial incrível em mãos e um desafio enorme com um tema tao importante. Foram 5 meses de trabalho intenso e dedicado, com um time de mais de 40 pessoas e muita parceria com a agência e o cliente. A confiança começou quando nos entregaram o trabalho em uma concorrência entre as grandes produtoras de animação do mundo, e continuou até o último segundo de trabalho. A equipe foi ímpar e o talento individual de cada um contribuiu para um resultado incrível”, diz Paulo Garcia, co-fundador e Chief Creative da Zombie.

O The Wildlife Conservation Film Festival (WCFF) é uma organização acadêmica, que tem como missão informar, engajar e inspirar pessoas sobre a necessidade e importância que é proteger a biodiversidade global.

O WCFF faz isso através do seu festival de cinema anual, que acontece em Nova York, e Beijing, e da conferência anual de biodiversidade, em Nova York.

Fonte – Vivo Verde /  Uma Vida Qualquer / Ciberia

Deixe uma resposta

Back To Top