A expectativa é que 2 mil pessoas sejam abordadas nesta quinta-feira (14)

A equipe composta por aproximadamente 30 integrantes da concessionária de rodovias Viapar, Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) vai sair as ruas de Maringá mais uma vez para divulgar a campanha “É melhor ser o motorista da vez ou a vítima?”. A blitz educativa será realizada, nesta quinta-feira (14), em bares da Rua Paranaguá [nas proximidades da Universidade Estadual de Maringá – UEM], a partir das 19h30.

A expectativa é que 2 mil pessoas sejam abordadas, estimou o coordenador geral de Urgência e Emergência de Maringá e coordenador médico do Resgate da Viapar, Maurício Lemos. “Vamos passar de mesa em mesa orientando sobre os problemas ocasionados pelo álcool, além de entregar uma conta hospitalar simbólica referente a uma semana de um acidentado em estado grave”, informou, revelando custos de quase R$ 80 mil. “A conscientização é uma ótima ferramenta para que acidentes sejam evitados”.

No último sábado (9) ocorreu a primeira blitz. Na oportunidade mais de mil pessoas foram abordadas em bares no Mercadão Municipal e na Avenida Humaitá. E a população elogiou a iniciativa. “As pessoas precisam mesmo se conscientizar e campanhas como esta ajudam a chamar a atenção de todos. Eu não tinha noção que era tão caro o valor do hospital”, comentou a encarregada de finanças, Elaine Fragoso. “As pessoas precisam ser mais pacientes no trânsito, conscientes”.

E de acordo com dados do próprio Corpo de Bombeiros 68% das tragédias estão relacionadas ao álcool. Por este motivo, para 2º tenente do Corpo de Bombeiros, Alex Boni, a importância da prevenção face aos danos causados às famílias por um acidente, sem contar o aspecto econômico. “Trata-se um iniciativa exemplar e pioneira que deve ser estendida às outras corporações do Paraná por meio do 5º GB”, finalizou.

E este trabalho preventivo prossegue em Maringá até fevereiro. A expectativa é que todas as regiões sejam visitadas.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 14 de dezembro de 2017

VIAPAR inicia obras na entrada de Sumaré

A duplicação da BR-376, entre Mandaguaçu e Paranavaí segue em ritmo acelerado. Nesta semana a concessionária de rodovias VIAPAR, empresa responsável pelas obras, deu início a construção das galerias de águas fluviais no altura do Km 109, no trevo de acesso ao distrito Sumaré.

A estimativa é que os trabalhos sejam finalizados em 30 dias. “Enquanto isso pedimos a compreensão de todos os usuários, uma vez que se faz necessário a utilização de desvios, bem como barreiras pare/siga.

O transtorno é momentâneo, porém os benefícios futuros são maiores”, explicou o gerente de Obras da VIAPAR, Egilson Mota Leal.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR DE 12 de dezembro de 2017

Blitz pioneira no Paraná será realizada na noite de sábado em Maringá

A iniciativa vai mobilizar 30 pessoas do Corpo de Bombeiros, Samu e da concessionária de rodovias VIAPAR

Na noite de sábado (9) uma “blitz” diferente será realizada em Maringá. Aproximadamente 30 colaboradores do Corpo de Bombeiros, Prefeitura de Maringá, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e da concessionária de rodovias Viapar vão visitar bares da cidade para divulgar a campanha educativa “É melhor ser o motorista da vez ou a vítima?”. Cada pessoa abordada vai receber orientações sobre os problemas ocasionados pelo álcool, além de informações sobre a conta de um acidente. Isso mesmo: a conta.

Será uma iniciativa pioneira no Paraná, segundo o coordenador geral de Urgência e Emergência de Maringá e coordenador médico do Resgate da VIAPAR, Maurício Lemos. “Nosso principal objetivo será alertar as pessoas sobre os problemas ocasionados pela bebida e a direção. Além da tristeza gerada para as famílias, vamos divulgar os custos de um acidente, que por sinal não são baratos”, comentou, revelando os números. “Quase R$ 80 mil por vítima grave. Você sabe quanto custa uma diária de UTI? R$ 3 mil”.

Lemos planeja levar a campanha para todas as regiões da cidade. “Vamos visitar pelo menos um bar em cada bairro de Maringá, uma iniciativa que deve se estender até o mês de fevereiro”, frisou, lembrando que, neste sábado, todos os envolvidos vão se reunir no quartel do Corpo de Bombeiros [às 22 horas] e, de lá sair em carreata. “A conscientização é uma das melhores ferramentas para que acidentes sejam evitados”.

Preocupação

E o consumo de álcool no Brasil é crescente e realmente preocupa. Conforme dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), em dez anos, aumentou 43,5%, superando a média internacional [6,4 litros]. Com o total de 8,9 litros por habitante, o país aparece na 49º colocação [entre 193 países avaliados] – em 2006 cada brasileiro, a partir de 15 anos, bebia 6,2 litros de álcool, por ano. Na pesquisa, a Lituânia aparece em primeiro [18,2 litros], seguido por Bielorrússia [16,4 litros], Moldávia [15,9] e Rússia [13,9].

Números

No mundo, 3,3 milhões de pessoas morrem todos os anos por consequências da bebida, ou seja, 5,9% de todas as mortes. No grupo de pessoas entre 20 e 39 anos este número é ainda maior: 25% das mortes estão relacionadas diretamente com o consumo de álcool, conforme a OMS.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 08 de dezembro de 2017

Nota VIAPAR sobre o fechamento de cruzamentos em Sarandi

O fechamento dos cruzamentos das avenidas Rio de Janeiro e Inglaterra com a BR-376, trecho urbano da Avenida Colombo, em Sarandi, foi realizado em comum acordo com a Prefeitura de Sarandi, Secretaria Municipal de Trânsito e Segurança de Sarandi, DER, Policia Rodoviária Federal e Viapar.

Os cruzamentos ficarão interditados durante 10 dias a partir do dia 26/11 com a finalidade de possibilitar a realização de um estudo sobre o comportamento do tráfego, no segmento compreendido entre os km 182 e km 184, visando a segurança dos usuários.

Após o término dos estudos técnicos, haverá nova reunião com as autoridades envolvidas para avaliação dos resultados obtidos.

Informamos ainda, que o segmento em questão está em perímetro urbano, portanto fora da abrangência operacional da Viapar.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 27 de novembro de 2017

Estudantes da Unipar faturam 1º Desafio Pontes de Macarrão

A competição realizada pela concessionária VIAPAR reuniu acadêmicos de engenharia das regiões Norte e Noroeste do Paraná

A equipe “Trovão Dourado”, composta pelos acadêmicos de engenharia civil e mecânica da Universidade Paranaense (Unipar), de Umuarama sagrou-se campeã do 1º Desafio Ponte de Macarrão: Desafio do Rio Ivaí, promovido pela concessionária de rodovias VIAPAR. A competição ocorreu na manhã deste sábado (11), na sede da empresa em Maringá e contou com 15 grupos inscritos. Além de troféu, os estudantes faturaram o prêmio de R$ 1.500,00, além da bonificação de R$ 500,00 pela conquista do recorde de Maringá [desde 2016]. A maquete da ponte construída por eles suportou o peso de 186,67 kg.

E essa não é a primeira vez que eles faturam uma competição do gênero. É o terceiro 1º lugar em menos de dois anos. “É muita dedicação, estudo para entender como funcionam as matérias e, com isso, fazer os cálculos com precisão. Porém, o primordial e a cooperação entre os integrantes da nossa equipe, pois sempre tomam as decisões em comum acordo. Estamos muito contentes com mais este resultado”, comentou o estudante, Danilo Ratti da Silva. “Eventos como este são muito importantes, pois incentivam e auxiliam na formação de bons profissionais. Esse bom resultado é sinal que estamos no caminho certo”. A equipe foi ainda formada por  Matheus Henrique Rossato Casola e Marcelo Ximenes Pereira,

Em 2º lugar ficou o grupo “Marilene”, da Uningá – Centro Universitário, de Maringá. A estrutura de macarrão construída pelos estudantes de engenharia mecânica, Pietra Evellyn Militão, Rafael de Oliveira Bisol e Gabriel Sempre Bom, suportou o peso de 146.91 kg – eles faturaram medalhas e prêmio de R$ 1.000,00. Já o terceiro lugar foi para a “Cup Noodles” da Faculdade de Engenharias e Arquitetura (Feitep), também de Maringá, composta pelos acadêmicos de engenharia civil, Felipe Aquaroni Sanches, Lucas Cividini dos Santos, Leonardo Vitor e Allisson José Bernardes Vettor – a ponte de macarrão deles suportou 117,02 kg – levaram para casa o cheque de R$ 700,00 e medalhas.

Antes de levadas à máquina para o teste de tração, todas as maquetes de macarrão foram avaliadas conforme o regulamento. Todas as decisões tomadas em comum acordo dos jurados, sendo um professor de cada instituição participante, além de um engenheiro da VIAPAR. “As equipes se dedicaram bastante na construção das pontes, projetos satisfatórios com cargas variáveis. É um evento valido para a formação de bons profissionais, uma maneira prática de trabalhar a matéria cálculo”, avaliou o professor da Feitep, Marcos Fernando Vinícius de Souza Schimitt. “Com certeza lá na frente os participantes não vão cometer os mesmos erros feitos nesta competição”.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 11 de novembro de 2017

Desafio “Pontes de Macarrão” será realizado neste sábado

Ao todo, são esperadas 200 pessoas, entre competidores e torcedores

Tá chegando a hora! Será neste sábado (11) o 1º Campeonato Pontes de Macarrão – Desafio Ponte do Rio Ivaí, a partir das 9h30, na sede da concessionária de rodovias VIAPAR, em Maringá. Quinze grupos de várias instituições de ensino da região Noroeste do Estado confirmaram presença. Ao todo, são esperadas 200 pessoas, entre competidores e torcedores. Neste desafio inusitado ganha quem fizer a estrutura mais resistente.

E detalhe, como o próprio nome diz a ponte deverá ser construída apenas espaguete [número 7], além de colas epóxi tipo massa e resina. Esta competição já existe há bastante tempo (no Brasil e no Mundo), mas é bem recente na cidade de Maringá. O 1º colocado será premiado com troféu e o valor de R$1.500,00, o 2º com R$ 1.000,00 e o 3º com R$ 700,00. Além disso, se o atual recorde de Maringá (87kg) for quebrado o campeão terá um bônus de R$ 500,00. Todos os participantes vão receber medalhas.

O peso, considerando as massas, colas e estrutura de apoio não poderá exceder 1.150 gramas. O organizador da competição, o engenheiro civil, Felipe Oliveira Mazzaro, explicou que também será admitida a utilização de cola quente em pistola para a união das barras nos nós. “Já outros tipos só vão poder ser usados após consideração da comissão de fiscalização, que será formada por um professor de cada instituição participante, além de um engenheiro da concessionária VIAPAR”, disse.

Lembrando que esta competição é voltada para estudantes de qualquer engenharia. Então acadêmicos chegou a hora de colocar a mão na massa e mostrar suas habilidades.

Serviço

Mais informações sobre evento no site www.pontesdemacarrao.com.br, onde também está disponível o regulamento da competição. Já o telefone da VIAPAR é o (44) 3033-6000. A sede da empresa fica na PR-317, número 7246, saída para Campo Mourão.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 10 de novembro de 2017

Finados – Movimento deve ser 20% maior no feriadão

A BR-376, entre Maringá e Nova Londrina deve ser a mais movimentada

O próximo final de semana deve ser de movimento intenso nas rodovias paranaenses. Isso porque na quinta-feira (2) é lembrado em todo o Brasil o “Dia de Finados”. Neste oitavo feriado nacional com a opção de emendar com o final de semana a estimativa da VIAPAR é que o fluxo de veículos nos trechos da empresa nas regiões Norte, Noroeste e Oeste do Paraná seja 20% maior, em comparação com dias normais.

A BR-376, entre Maringá e Nova Londrina deve ser a mais movimentada, conforme estimativa da concessionária. Os maiores tráfegos devem ser registrados ainda na quarta-feira (1) a partir das 16h30 e no domingo (5) logo após o almoço. “A orientação é que os motoristas respeitem a sinalização, os limites de velocidade, transportem as crianças nos dispositivos corretos e não consumam bebidas alcoólicas antes de guiar”, orientou o supervisor do Centro de Controle e Operações (CCO) da empresa, Ronaldo Parpinelli. “Os motoristas também devem revisar os veículos antes de pegar a estrada”.

CAMPANHA – E com o objetivo de conscientizar os motoristas, na quarta-feira (1), a VIAPAR vai realizar uma campanha de conscientização com os usuários. Uma iniciativa efetivada em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Será no posto de Campo Mourão, localizado na altura do Km 365 da BR-369, das 9 às 11 horas da manhã. Na oportunidade, os policiais e colaboradores da VIAPAR vão repassar orientações aos condutores e entregar um kit sobre direção defensiva. Porém as ações da empresa para este feriadão vão além.

A concessionária disponibilizará 34 veículos e 100 colaboradores para prestar os diversos tipos de atendimentos ao usuários – resgate médico, problemas mecânicos, elétrico, apreensão de animais, dentre outros. Isso tudo sem contar as sete unidades do Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU), espaços com local para descanso, banheiros, fraldário, água gelada e internet.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 31 de outubro de 2017

Pontes de Macarrão: competição inusitada vai mobilizar estudantes

Trata-se do 1º Campeonato Pontes de Macarrão – Desafio Ponte do Rio Ivaí, a ser realizado pela concessionária de rodovias VIAPAR

Uma competição inusitada vai reunir estudantes de engenharia em Maringá. Trata-se do 1º Campeonato Pontes de Macarrão – Desafio Ponte do Rio Ivaí, a ser realizado pela concessionária de rodovias VIAPAR, no dia 11 de novembro, na sede da empresa. São esperadas 20 equipes das principais faculdades da região. As inscrições prosseguem abertas até segunda-feira (30).

A ponte deverá ser construída utilizando apenas espaguete número 7, além de colas epóxi tipo massa e resina. “Também será admitida a utilização de cola quente em pistola para a união das barras nos nós. Outros tipos poderão ser usados após consideração da comissão de fiscalização”, explicou o organizador da competição, o engenheiro civil, Felipe Oliveira Mazzaro. “O peso da ponte, considerando as massas, colas e estrutura de apoio,  não poderá exceder 1150 gramas”.

E ganha quem fizer a estrutura mais resistente. “É aplicado um peso no centro da ponte e cada incremento de peso só será contabilizado se a estrutura sustentar o mesmo por 10 segundos”, explicou Mazzaro, lembrando que o corpo de jurados será composto por cinco pessoas, sendo quatro professores convidados e um engenheiro da VIAPAR. “As inscrições podem ser feitas individualmente ou em grupos. Podem participar acadêmicos de qualquer engenharia”.

O concurso existe há bastante tempo (no Brasil e no Mundo), mas é bem recente na cidade de Maringá. O primeiro colocado será premiado com um troféu e o valor de R$1.500,00. Além disto, se o atual recorde de Maringá (87kg) for quebrado o campeão terá um bônus de R$ 500,00. Todos os participantes vão receber medalhas.

Serviço –  As inscrições podem ser feitas no site www.pontesdemacarrao.com.br, onde também estão disponibilizadas mais informações e o regulamento da competição. Já o telefone da VIAPAR é o 44 3033-6000.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 19 de outubro de 2017

Rodovias – movimento deve ser maior no final de semana prolongado

A BR-376, entre Maringá e Paranavaí, deve receber o maior número de veículos

Mais um final de semana prolongado à vista. Na quinta-feira (12) é o Dia de Nossa Senhora Aparecida, padroeira nacional para os católicos. Em paralelo, nesta mesma data, os brasileiros comemoram o “Dia das Crianças”. Por estes motivos o movimento nas rodovias deve ser maior. A concessionária VIAPAR estima acréscimo de 15% nas estradas administradas pela empresa nas regiões Norte, Noroeste e Oeste do Paraná. A BR-376, entre Maringá e Paranavaí, deve receber o maior número de veículos.

O movimento, segundo o coordenador do Centro de Controle e Operações (CCO) da empresa, Ronaldo Parpinelli, deve começar a aumentar na quarta-feira (11) a partir das 17 horas – também deve ser grande no domingo (15), durante toda a tarde e parte da noite, na volta. “É importante que os condutores, ao dirigir, respeitem a sinalização, limites de velocidade, transportem as crianças nos dispositivos adequados e não consumam bebidas alcoólicas”, orientou. “Da mesma forma o veículo deve ser revisado antes da viagem, para que problemas mecânicos ou acidentes sejam evitados”.

Independente disso, as equipes da VIAPAR vão estar disponíveis durante as 24 horas – socorro médico, mecânico [leve e pesado], caminhão pipa e boiadeiro. A empresa conta ainda com sete unidades do Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU), locais que oferecem aos usuários espaço climatizado para descanso, água gelada, banheiros [masculino e feminino], fraldário e internet. Por meio do site da concessionária também é possível programar a viagem conferindo as condições climáticas e o fluxo por meio das câmeras.

SERVIÇO

Para acionar atendimento da VIAPAR ligue para o 0800 601 6001. Já o site é o www.viapar.com.br.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 09 de outubro de 2017