skip to Main Content
Canudo De Papel Não é Biodegradável Sem Certificação, E Não é Reciclável

Canudo de papel não é biodegradável sem certificação, e não é reciclável

Leis sem sentido para canudos. Lei dos canudos do Rio de Janeiro

Papel é biodegradável e reciclável. Mas canudo de papel não é!

Ele pode não ser biodegradável e nem reciclável. Além de ter potencial de não atender as regulamentações da ANVISA para contato com alimentos.

Explicamos:

1) O canudo de papel é laminado com plástico comum não biodegradável, ou recebe cola plástica, ou algum tipo de proteção polimérica plástica para não dissolver em contato com líquidos.
Esse plástico impede a biodegradação do papel, e pior, impede sua reciclagem pois nem é papel nem plástico. O mesmo acontece com copos de papel. Procure um só reciclador de canudos e copos de papel usados e contaminados com líquidos ou gorduras. Não existe.

Canudos devem seguir as regulamentações da ANVISA para contato com alimentos. Será que estes canudos de papel usados no Rio estão em conformidade com a ANVISA? Temos muitas dúvidas a respeito. Podem estar sendo importados de algum país onde não atendem as regulamentações locais.

2) A produção e transporte do papel e dos canudos de papel geram muito mais impactos no meio ambiente do que os canudos de plástico, ou de plástico biodegradável. Substâncias químicas perigosas e poluentes são usadas na produção do papel.

Canudos de papel são mais pesados e ocupam mais espaço, portanto mais transporte, mais combustível, mais emissões atmosféricas, mais poluição, mais caminhões nas ruas, mais armazéns etc.

3) Tintas usadas na impressão destes canudos de papel podem conter metais pesados. Isso vai parar no meio ambiente e estão em contato com os lábios das pessoas.

Tudo isso para ter um produto não biodegradável e não reciclável como é o canudo de papel? Qual norma de biodegradabilidade estes canudos atendem? Tem certificação? Nunca vimos!

Vão gerar microplásticos que já estão nos nossos alimentos e água que bebemos. Vejam matéria de hoje no The Independent

Por outro lado, a ciência desenvolveu há décadas canudos biodegradáveis. Muito antes da existência de leis, estes produtos são recicláveis e biodegradáveis em conformidade com normas internacionais, inclusive da ABNT.

São canudos recicláveis e sua biodegradação ocorre tanto em solo como em mar e o resultado será sempre água, dióxido de carbono e biomassa. Jamais deixam restar microplásticos.

Qualquer análise completa de ciclo de vida mostra que papel é bem pior do que plástico e que os plásticos biodegradáveis.

No Brasil existe norma sobre biodegradação de plásticos biodegradáveis e existem empresas certificadas.

Estranho ver uma lei sobre canudos de papel que contém plásticos e causam danos iguais ou maiores que os de plástico biodegradável e reciclável.

Enviamos questionário para a Subvisa no Rio, órgão responsável pela fiscalização da lei dos canudos. Nunca recebemos respostas.

Não somos a favor do uso desnecessário de canudos, não importa o tipo. Por outro lado eles são necessários para pessoas portadoras de necessidades especiais. Também não faz sentido usar um copo de plástico comum não biodegradável para beber água de coco quando um canudo resolveria. Um copo contém muito mais plástico do que um canudo, e nenhum dos dois será reciclado pois o índice de reciclagem de plásticos no mundo não passa de 9%.

Fonte – Instituto Ideais de

Deixe uma resposta

Back To Top