skip to Main Content

Viapar e Prefeitura de Maringá assinam parceria para realizar oficina de trânsito

Trabalho, que já existe desde 2002 e atendeu mais de 35 mil pessoas, ganha novos contornos com a experiência de quem vive o dia a dia na cidade

Com o objetivo de educar crianças, jovens e adultos para um trânsito melhor, formando novos pedestres e futuros motoristas, a concessionária de rodovias Viapar e a Prefeitura Municipal de Maringá, por meio da Secretaria de Trânsito e Segurança (Setran), assinaram na quinta-feira (29/10), um convênio de parceria para a realização da Oficina de Trânsito até dezembro deste ano e em 2016.

Na ocasião, também foi descerrada a placa que marca o início do trabalho, que na prática já está acontecendo desde julho. “Estamos oficializando uma parceria que está dando muito certo”, afirmou o presidente da Viapar, Camilo Carvalho, que idealizou esta com base em experiências semelhantes que já tinha visto.

“Quando sociedade e prefeitura dão as mãos, os resultados só melhoram. Essas crianças serão multiplicadoras de práticas de cuidado com a cidade e respeito ao trânsito”, afirmou o prefeito de Maringá, Roberto Pupim. A Oficina de Trânsito da Viapar teve início em 2002 e envolve, por ano, uma média 4,3 mil estudantes de escolas públicas e particulares de Maringá e de outras 26 cidades no trecho de atuação da Viapar.

Pelo acordo, a concessionária entra com toda a estrutura, principalmente a minirrodovia para as aulas práticas, o auditório para palestras, o lanche e todo material didático. Já a Prefeitura participa com os educadores especializados para a parte pedagógica. Além da aula teórica e prática com os estudantes na minirrodovia, é desenvolvido todo um trabalho de capacitação com os professores para que estes deem continuidade as orientações em sala de aula.

“É uma grande parceria. Nosso lema é preservar vidas e para isso a educação é fundamental. Estamos capacitando esses jovens como futuros motoristas. E como filhos, serão mais um fiscal, conscientizando também os pais”, disse Fábio José Ribeiro, secretário de Trânsito e Segurança.

A secretária de Educação, Solage Munhoz Lopes, lembrou que educação para o trânsito já é um dos temas transversais explorados em sala de aula nas escolas municipais e que a Oficina de Trânsito é uma oportunidade de os estudantes colocarem em prática o que aprenderam na teoria, além de trazer à vivência do que eles já enfrentam no dia a dia.

“Os acidentes de trânsito são uma das principais causas de morte e de invalidez. Tenho esperança que daqui vamos ver surgir cidadãos mais responsáveis e conscientes”, ressaltou.
Nos 13 anos de existência do trabalho, já foram atendidas mais de 35 mil pessoas entre crianças, adolescentes e adultos.

“Temos pessoas que passaram pela oficina quando crianças e que já são motoristas. Acredito que o que aprenderam, hoje faz diferença no comportamento delas. Essa parceria com a Setrans só veio agregar valor à oficina, principalmente com a experiência diária que os agentes têm com o trânsito. Isso vai nos ajudar a levar esse trabalho ainda mais longe”, sumiu Priscila Nascimento, assistente de comunicação da VIAPAR.

Fonte – Assessoria de comunicação da VIAPAR de 29 de outubro de 2015

Este Post tem 0 Comentários

Deixe uma resposta

Back To Top