skip to Main Content

É lançado o 2º VIAPAR Cultural

Produtores culturais de Maringá e região com projetos aprovados pela Lei Rouanet do Ministério da Cultura ou em fase de aprovação (Art. 18 da Lei Federal Nº. 8.313/91) tem pelo segundo ano consecutivo a oportunidade de captar recursos do edital VIAPAR Cultural, lançado nesta sexta-feira (31) na sede da concessionária de rodovias VIAPAR em Maringá. A cerimônia foi acompanhada por dezenas de pessoas, entre autoridades, colaboradores da empresa e artistas.

Ao todo, vão ser destinados R$ 230 mil para contemplar as seis melhores iniciativas. Para o produtor cultural, Marcos Trindade, tal concurso possibilita que artistas e produtores de Maringá e região tenham a oportunidade de mostrar o trabalho. “Não me inscrevi na primeira edição, mas agora conhecendo melhor o projeto pretendo participar da seleção. É um concurso que está valorizando os talentos locais, incentivando a cultura. É algo que vem somar e que deve ser extendido para os próximos anos, é o que esperamos”, destacou.

Quem também acompanhou a solenidade de lançamento do 2º VIAPAR Cultural foi a atriz, produtora cultural e integrante da Academia Maringaense de Letras, Majô Baptistoni. “Projetos como este são imprescindíveis para o desenvolvimento cultural da região, uma vez que proporcionam maior visibilidade das produções locais. Além de valorizar os artistas, possibilitam o acesso facilitado a cultura a pessoas de todas as camadas sociais”, completou.

O vice-prefeito de Maringá, Cláudio Ferdinandi, também elogio o projeto criado pela VIAPAR. “É algo que deve ser copiado por outras empresas de nossa cidade e região. Maringá mais uma vez sai na frente com uma iniciativa tão nobre, que sem sombra de dúvidas, já está contribuindo com o desenvolvimento de nossa região”, discursou.

O objetivo da iniciativa é beneficiar diferentes formas de expressões artísticas, propondo o estreitamento entre empreendedores culturais e a democratização de acesso à parte dos recursos disponíveis via destinação fiscal da empresa patrocinadora (VIAPAR). “Hoje a arte tem papel fundamental para mudar nossa realidade. Ela ajuda a pessoa a refletir, a repensar o mundo, promove o senso crítico”, finalizou o presidente da VIAPAR Marcelo Machado.

Lembrando que, no ano passado, o VIAPAR Cultural distribui R$ 200 mil entre nove projetos selecionados.

Critérios de seleção

O VIAPAR Cultural é coordenado pelo Instituto Cultural Ingá. De acordo com o presidente do órgão, Orlando Chiqueto Rodrigues, a VIAPAR tem sido espelho para muitas outras empresas que tem procurado o instituto para desenvolver ações semelhantes. “Por outro lado, muitas empresas não apoiam iniciativas como esta por falta de conhecimento. Esse projeto desenvolvido pela VIAPAR, além de incentivar a cultura tem gerado empregos e renda para a toda a comunidade regional”, frisou. Ele elencou abaixo os critérios para a escolha dos projetos contemplados.

– Projeto proposto / Ineditismo: Concepção da ideia/proposta, inovação, bem como o diferencial que incrementará a programação cultural da região sugerida

– Edições anteriores / Presença de público: Resultados auferidos, quantidade de pessoas participantes e credibilidade gerada pelo evento/espetáculo cultural

– Circulação, distribuição e difusão da Cultura / Período de abrangência: Locais de realização, integração cultural junto a comunidades por meio de envolvimento socioeconômico e quantidade de encenações/apresentações

– Ampliação do acesso da população aos conteúdos e serviços culturais gerados: Previsão de público, democratização e acesso aos eventos/ações propostas, além dos temas a serem abordados no projeto e sua área de impacto na sociedade

– Relatório de Atividades do proponente

– Currículo

Valores destinação

– 1º lugar (R$ 70 mil); 2º lugar (R$ 50 mil); 3º lugar (R$ 40 mil); 4º lugar (R$ 30 mil); 5º lugar (R$ 25 mil); 6º lugar (R$ 15 mil)

Serviço

O edital completo pode ser conferido no site www.institutoculturalinga.com.br. Mais informações pelos telefones: (44) 3025-9595 ou (44) 3025-9625.

Fonte – assessoria de comunicação da VIAPAR de 31 de outubro de 2014

Este Post tem 0 Comentários

Deixe uma resposta

Back To Top