skip to Main Content

FECOMERCIO, SP – Conheça os finalistas do 2º prêmio de sustentabilidade

Federação e Fundação Dom Cabral divulgam os finalistas da segunda edição do Prêmio que visa estimular práticas sustentáveis e instituir novas formas de relacionamento entre empresas, governo e consumidores.

Com 314 projetos inscritos, de 19 Estados, das cinco regiões do Brasil, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio), e a Fundação Dom Cabral (FDC), por intermédio do Centro de Desenvolvimento do Varejo Responsável (CDVR), definiram os 28 finalistas do 2º Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade. A premiação acontece no dia 31 de maio, na sede da Fecomercio. Veja a lista dos finalistas na tabela abaixo.

As inscrições e premiação foram distribuídas em três categorias, com algumas subcategorias: Empresa (Microempresa, Pequena/Média Empresa, Grande Empresa e Entidade Empresarial); Órgão Público e Academia (Professor e Estudante). O primeiro colocado de cada categoria/subcategoria receberá como prêmio um título de previdência correspondente ao valor de R$ 15 mil.

O prêmio ultrapassou a esfera paulista e se tornou nacional. “Tivemos muitos projetos em diversos estados e queremos ser indutores do desenvolvimento sustentável no comércio varejista”, explica José Goldemberg, presidente do Conselho de Sustentabilidade da Fecomercio.

“O conteúdo dos projetos inscritos servirá para fomentar programas de capacitação, realimentar o setor com informações e fazer uma avaliação de como está a profundidade das práticas no próprio setor”, aponta Cláudio Boechat, da Fundação Dom Cabral.

São jurados nesta edição: José Goldemberg, Josef Barat, Fabio Feldmann, Helio Matar, Marcelo Morgado, Rogério Belda, Claudio de Senna Frederico, Eduardo Della Manna, François Bremaeker, João Alberto Manaus Corrêa, Nabil Bonduki, Nixon Vilela, Plínio Assmann, Ana Domingues e Valter Caldana

Sobre o prêmio

Em parceria com a Fundação Dom Cabral, o 2º Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade aborda o tema “Princípios do Varejo Responsável” e propõe um novo olhar sobre os desafios da sustentabilidade e suas implicações para o ambiente empresarial. Esses princípios foram formulados como resultado dos trabalhos de pesquisa e de validação de conteúdo realizados pelo Centro de Desenvolvimento do Varejo Responsável (CDVR) da Fundação Dom Cabral ao longo de 2008 e 2009.

O Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade surgiu em 2008 em comemoração aos 70 anos da Federação e da crescente discussão sobre sustentabilidade que ocorre em todo mundo. A entidade mantém o seu compromisso com o desenvolvimento sustentável e estimula a comunidade empresarial a abraçar essa causa, com o objetivo de construir uma sociedade mais justa.

Sobre o prêmio
Em parceria com a Fundação Dom Cabral, o 2º Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade aborda o tema “Princípios do Varejo Responsável” e propõe um novo olhar sobre os desafios da sustentabilidade e suas implicações para o ambiente empresarial. Esses princípios foram formulados como resultado dos trabalhos de pesquisa e de validação de conteúdo realizados pelo Centro de Desenvolvimento do Varejo Responsável (CDVR) da Fundação Dom Cabral ao longo de 2008 e 2009.

O Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade surgiu em 2008 em comemoração aos 70 anos da Federação e da crescente discussão sobre sustentabilidade que ocorre em todo mundo. A entidade mantém o seu compromisso com o desenvolvimento sustentável e estimula a comunidade empresarial a abraçar essa causa, com o objetivo de construir uma sociedade mais justa.

Finalistas

Na categoria Grande Empresa, os projetos finalistas são:
TAEQ – Geração de Valor em Cadeia do Grupo Pão de Açúcar;
Conexão Belterra, da Vivo S/A;
Economia Verde, da Comercial Automovia;
e Consumo Inteligente, da Cas Tecnologia.

Já na categoria Pequena Empresa, os classificados são:
Reciclagem de Entulho, da Estação Resgate;
Selo de Destinação Ambiental Correta, da Caçula Pneus;
BioBrasil, da Renk’s Industrial Ltda.;
e Reviva o Óleo, da Produtos Alimentícios Ortolândia.

Entre os finalistas de Média Empresa, estão os projetos:
Artisans Brasil, da Copraseda – Cooperativa;
Grupo de Moda Sustentável, de Andressa Faiad;
Ação Concreta Sustentável, da Natureza Brasil Pesquisas;
e a Neutralize Carbono com a proposta para neutralizar os gases do efeito estufa.

As Entidades Empresariais estão representadas pelos finalistas:
Sistema de Gestão Ambiental, do Sebrae-SP;
Selo de Qualidade e Sustentabilidade, do Sindilav;
e Gestão Ambiental para Panificadoras, do Sebrae-PE.

Os projetos selecionados na categoria Órgão Público são:
Vale Luz, da Secretaria Adjunto de Trabalho e Emprego do Mato Grosso;
Programa Desperdício Zero, da Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Paraná;
Recicla Porto, da Companhia de Integração Portuária do Ceará;
Mediação Itinerante, do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo;
a Secretaria de Estado do Meio Ambiente de São Paulo está representada por pelos projetos Programa Estadual de Contratações Públicas Sustentáveis e a Bolsa Internacional de Negócios da Economia Verde.

Este Post tem 0 Comentários

Deixe uma resposta

Back To Top