skip to Main Content

Governo incentiva compras de empresas com práticas sustentáveis

O governo federal está incentivando a contratação de empresas fornecedoras de bens e serviços que adotem práticas sustentáveis em sua produção. O programa de CPS (Contratações Públicas Sustentáveis), lançado pela SLTI (Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação) prevê a inclusão gradual de critérios ambientais, sociais e econômicos para contratações públicas e processos licitatórios.

Essas exigências deverão constar do processo de compras públicas e editais das licitações. A decisão sobre a proposta mais vantajosa vai levar em conta os aspectos sustentáveis.

Deverão ser escolhidos bens, serviços e produtos que causem menor impacto ambiental e tenham maior eficiência energética, segundo a secretaria.

De acordo com a SLTI, o objetivo da medida é melhorar a qualidade do gasto público, realizando contratações mais efetivas, além de estimular a adoção de processos produtivos menos poluentes por parte do setor industrial, ajustando o mercado nacional à sustentabilidade.

Apesar de serem mais caros, os produtos sustentáveis representam economia a longo prazo, porque reduzem os gastos do Estado com políticas de reparação de impactos ambientais, diminuem o consumo de energia e de materiais e incentivam o desenvolvimento econômico baseado em práticas socioambientais corretas.

Segundo a SLTI, o Estado brasileiro é um grande consumidor de bens e serviços — responde entre 10% e 15% do PIB (Produto Interno Bruto) do país.

As contratações públicas sustentáveis abrangem a compra de computadores e equipamentos eletrônicos verdes, material de escritório feito de madeira certificada, papel reciclável, alimentos orgânicos e uso de eletricidade produzida por fontes de energia renováveis, entre outras.

Fonte – Folha Online

Este Post tem 0 Comentários

Deixe uma resposta

Back To Top