skip to Main Content

Plásticos no oceano podem contaminar animais marinhos do planeta

 

              Sacola retornável

Logo encontrada nos plásticos oxi-biodegradáveis.

No texto, falam de levar sua sacola retornável, mas na impossibilidade, compre em estabeclecimentos que utilizem sacolas de compras feitas de plástico oxi-biodegradável.

Em Maringá, a rede de supermercados Canção já vem usando este plástico desde outubro de 2006.

Em fevereiro, depois do lançamento do projeto sacolas ecológicas, no dia 05, os feirantes iniciarão o uso destas sacolas.

Isso, até você se reacostumar a usar sua sacola retornável.

Segundo pesquisa liderada e divulgada recentemente pelo professor Richard Thompson da Universidade de Plymouth, na Inglaterra, partículas plásticas conhecidas como “lágrimas de sereia” podem contribuir para a poluição dos oceanos de todo o mundo. As lágrimas de sereia são resíduos plásticos (não biodegradáveis) resultados dos excedentes de lixo industrial (redes de pesca) e doméstico (sacolinhas plásticas e garrafas de bebidas). Ao longo do tempo esses resíduos sofrem apenas uma redução de suas dimensões físicas, mantendo todas as propriedades originais.

Leia Mais

Projeto sacolas ecológicas

  Na terça-feira, dia 16 de janeiro, fizemos uma apresentação do projeto sacolas ecológicas aos representantes das quatro feiras de Maringá. São elas, feira livre, feira Pôr-do-sol, feira do produtor e feira verde. Fizemos uma apresentação com imagens do impacto…

Leia Mais

Sacolas oxi-biodegradáveis

  Maringá largou na frente no ecologicamente correto uso de sacolas plásticas oxi-biodegradáveis pelos supermercados e, proximamente, pelo comércio em geral. Numa parceria com entidades comerciais, prefeitura e a Funverde, o projeto aos poucos está sendo implantado na cidade e…

Leia Mais

Logo do projeto sacolas ecológicas

O publicitário Eduardo Marçal terminou a criação do selo do PROJETO SACOLAS ECOLÓGICAS. De agora em diante, todas as sacolas oxi-biodegradáveis comercializadas em Maringá e região terão esta logo, junto com a logo da FUNVERDE. Na dúvida, é só olhar…

Leia Mais
Back To Top