skip to Main Content

Confiança lança campanha para reduzir uso das sacolas de plástico

kiwi and pear

JCNET de 06 de outubro de 2009

A rede Confiança de Supermercados lança hoje uma campanha para estimular o uso de sacolas retornáveis e reduzir o consumo de sacolas plásticas. A iniciativa conta com orientação dos funcionários da empresa.

De acordo com a coordenadora de projetos sociais da rede supermercadista, Rosana Fernandes, os funcionários da empresa passaram por um processo de capacitação, para que possam orientar os clientes das lojas. “Buscamos conscientizar sobre a necessidade de preservação do meio ambiente e o impacto causado pelo acúmulo de plástico na natureza”, explica.

A campanha começa hoje com vários cartazes pelas lojas da rede, inclusive na unidade de Marília, além de funcionários com camisetas alertando sobre a iniciativa. O tema da campanha, “A natureza confia em você”, também será explicado em informes que serão distribuídos aos clientes. “Nosso objetivo é estimular as pessoas para que tragam sacolas retornáveis de suas casas. Pode ser até de supermercados concorrentes. O importante é que não usem muitas sacolinhas”.

De acordo com Rosana, muitos clientes já aderiram à idéia, mas ela ressalta que é preciso expandir esse volume. “Sabemos que o processo será lento, mas temos que começar esse movimento”, explica. A campanha vai até o dia 22. Depois disso, continuam apenas as atividades com os funcionários.

E para quem não aderiu às sacolas retornáveis, o Confiança substituiu há dois meses as sacolinhas que costumam utilizar para acondicionar as compras de seus clientes. De acordo com Rosana, ao contrário das sacolinhas, que demoram até 500 anos para se decompor, a rede passou a usar modelos feitos a partir de material oxibiodegradável. Segundo a coordenadora, as novas sacolas demoram até 10 anos para se decompor. “Ainda não é o ideal, mas muita gente ainda faz questão do uso de sacolinhas. Então, que seja uma que cause impacto ambiental menor”, pondera.

Parabéns pela iniciativa, mas já avisamos que não irá funcionar. O cliente está tão acostumado a “ganhar” as sacolinhas que sem a cobrança pelas sacolas, sem banir as sacolas do local, nehuma campanha educativa irá funcionar, tem que ser pela dor – no bolso – , neste caso o amor – campanha de incentivo – não resolverá.

This Post Has One Comment
  1. Acho uma boa ideia, só penso que o consumidor precise também substituir o uso do saco plástico em sua casa.
    A sacola do supermercado é usada em lixeiras na cozinha, no banheiro etc.
    Precisamos fazer uma troca também aí, senão não conseguiremos nosso objetivo.
    Como poderíamos utilizar as lixeiras ????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top